Endomarketing
Samuel Passalacqua Filho 12 de maio de 2016 1 Comentário

As organizações, em sua grande parte, esbarram-se em um grande problema: a péssima comunicação interna em todos os níveis, o que gera uma deficiência no serviço prestado por seus funcionários. Pensando nisso, Kotler(o “pai” do Marketing) discorreu sobre o “marketing interno das organizações”, mas foi Saul Faungaus Bekin, em 1995, que aliou estes conceitos de Kotler com conceitos da área de Recursos Humanos das empresas, criando o termo “Endomarketing”.

O Endomarketing utiliza métodos e estratégias aplicadas pelo Marketing no mercado, dentro das organizações. Isto é, o Endomarketing enxerga os funcionários das empresas como sendo os primeiros clientes destas, porém, vale salientar novamente, que o Endomarketing deve utilizar e aliar a área de Recursos Humanos com a de Marketing.

Antes de querermos vender nossos produtos ou serviços no mercado devemos “vendê-los” dentro da própria organização. Utilizo o termo vender entre aspas pois não estou usando o termo na forma literal(aonde um fornece um produto/serviço e outro o paga) e sim com o sentido de vender a idéia do produto. É necessário fazer com que o funcionário entenda as características do produto, seus pontos fortes e fracos, e acima de tudo, confie nele. Somente se esta etapa for concluída corretamente será possível atingir um sucesso nas vendas.(Que fique claro que esta é uma condição necessária mas não suficiente).

Porém, o Endomarketing não está preocupado somente com a parte comercial do negócio, mas também com a parte motivacional e emocional(que consequentemente impactará o comercial). Além de promover uma comunicação interna eficaz, “vendendo” os produtos da empresa para os funcionários, deve também promover a própria empresa internamente; mostrando objetivos alcançados, prêmios recebidos e buscando maneiras de melhorar o modo como os colaboradores vêem a empresa.

Com base nas estratégias de Endomarketing a empresa deve motivar e incentivar seus funcionários para que estejam satisfeitos e confiantes com a organização, difundindo esta confiança para seus clientes, gerando consequentemente sucesso nos objetivos. Um funcionário feliz e satisfeito produz mais.

A palavra-chave para este tema é comunicação interna! Comunique-se, deixe com que todos os colaboradores saibam o que se passa na empresa, seja transparente para que seu funcionário seja o mesmo com você. Estreite sua relação com seus subordinados e com isso você conseguirá uma equipe mais comprometida e engajada com os objetivos estabelecidos pela e para empresa.

Samuel Passalacqua Filho

Administrador de Empresas pelo Ibmec-SP(Insper), extensões em Negociação, Gestão de Empresas Familiares, Marketing e Coaching. Palestrante nas áreas de motivação, empreendedorismo e vendas. Atua como Diretor Comercial na Passalacqua & Cia Ltda.

— Um Comentário —

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *